ÚLTIMAS NOTÍCIAS E EVENTOS FIQUE LIGADO!

Poesia: desa/fogar

desa/fogar por Ruth Flôres eu já não sabia a quantos metros ! do chão poderia estar, se dissesse ao coração pare de voar na cabeça, uma vida de dois ou três contavam relatos eu não podia divulgar essa tal imparcialidade...

Aquelas histórias de guerra

Houve um tempo em que a gente ouvia muitas histórias de guerra. Tinha até uma expressão muito usada pela mãe quando algum dos seus rebentos atacava com uma fome canina alguma merenda ou mesmo o prato de almoço ou da...

Laços de família

“Das muitas coisas Do meu tempo de criança Guardo vivo na lembrança O aconchego de meu lar No fim da tarde Quando tudo se aquietava A família se ajeitava Lá no alpendre a conversar (…)” (PADRE ZEZINHO – “Utopia”) As...